quinta-feira, 20 de abril de 2017

Covilhã - Notícias Soltas XIII

Dominguiso

São várias as opiniões acerca da origem da palavra Dominguiso (1), no entanto Luiz Fernando Carvalho Dias disse-nos estar convencido que o nome vinha de de mẽguiso, que aparece algumas vezes nos documentos transcritos, sendo Menguiso (2), possivelmente o nome de um antigo senhor ou morador ilustre do local.



Ao priol e Jgreja de san Yoan da demanda que lhe foy fecta sobre as jurdiçooes ciuel daldea de memguiso e mandado que huse delas etc.

Don Affonso pela graça de deus Rey de Portugal e do Algarue A quantos esta carta virẽ faço saber que eu per Giraldo steuez meu de criaçõ que pera esto mandey Aas comarcas da beira e aalẽ dos montes E Coitar fez per dante os ouuydores dos meus fectos Domĵgos affonso priol da Egreia de sanhoane de manta ẽ colo per razõ dalgũas jurisdições que a mĵ era dicto que el tragia na aldeya de Mẽeguiso que he da dicta Eigreia que a dia çerto conteudo na dicta Citaçõ pareçesse per dante os dictos meus Ouuydores mostrar ẽ como tragia as dictas Jurisdições na dicta Aldeya E ao dia que lhy Assi era assinaado a que pareçesse per dante os dictos meus Ouuydores sobrela dicta razõ Giralde steuez meu procurador por mĵ da hũa parte E o dicto Domĵgos affonsso por ssy da outra parecerõ E da parte do dicto Domingos Affonso foy dicto que a dicta sa Eigreia auya hũa Aldeya que chamauã A aldeya de Mẽeguiso na qual el cõ a dicta sa Eigreia tragia Jurisdições per esta guisa Couẽ a ssaber que os homens moradores da dicta Aldeya por hũu dia çerto do Ano Ellegiã antre ssy dous Jurados pera ouuyrẽ os fectos ceuiis na dicta Aldeya E hiã cõ eles ao priol da dicta Eigreia que lhes cõffirmasse. E que el ou outro qual quer que ẽde era Priol da dicta Eigreia os conffirmaua e daualhos por Jurados E que estes Jurados que assy per o dicto priol erã dados e confirmados Ouuyã todolos fectos Ceuijs e dauã sentenças antre as partes e sse algũa das partes queriã Apelar das sentenças que eles dauã Apellauã pera o dicto Priol da dicta Eigreia E do Priol pera os Juizes de Couilhãa E que outrossy poynhã moordomo na dicta Aldeya qual os moradores da dicta antre ssy escolhiã. O qual moordomo apanhaua e procuraua os direitos da dicta Eigreia E fazia as chegadas e as penhoras na dicta aldeya per mãdado dos dictos Jurados E que o dicto Priol conuya as seruiços da dicta Aldeya das quaes Jurisdiçoes e cousas sobredictas diziã que estaua a dicta Eigria ẽ posse per dez e viĵte e trijnta e quareẽta e saseẽta anos E per tanto tempo que ha memoria dos homens nõ he ẽ contrairo as quaes razões Assi postas per o dicto priol o dicto meu procurador er pose por mĵ petiço contra o dicto Priol dizẽdo que as sobre dictas Jurisdições que o dicto Priol pola dicta sa Eigreia tragia na dicta Aldeya pertẽeciã A mĵ per direito comũ E porẽ pedia a Johanne anes mello Ouuydor dos meus fectos que per sentença defendesse ao dicto Priol que nõ husasse das dictas Jurisdições na dicta Aldeya e que as leyxasse a mĵ E o dicto priol dizia que el nõ era teudo A leyxar dhusar das dictas Jurisdicões na dicta Aldeya nẽ de as leixar A mĵ pelo que dicto e alegado auya nas sobre dictas sas razões As quaes dizia que daua por deffesa contra a dicta mha petiçõ as quaes dezia que tragia direito E que deuyã seer contestadas pelo dicto meu procurador e pedia que as contestasse E o dicto meu procurador contestãdo as dictas razões da deffesa disse que o nõ sabia nẽ querja E o dicto Priol disse que o queria prouar e uêo com sseus Artigos os quaes forõ Julgados por perteeçentes per o dicto Johanne anes mello meu Ouuydor E outrossy o dicto meu procurador er vẽo cõ Artigos para prouar por mĵ A Interrução os quaes lhy forõ Reçebudos e Julgados por perteecentes pelo dicto meu Ouuydor E o dicto Ouuydor mandou hy fazer enquirições pelos dictos Artigos Assy da hũa parte come da outra As quaes enquirições ueerõ per dante o dicto Johanne anes mello e per dante Domingos paaez seu companhõ Ouuydores dos meus fectos e da portarya E os dictos meus Ouuydores vistas as dictas enquirições e Abertas e poblicadas Acharõ que o dicto Priol prouaua tanto do que se obligara a prouar que lhy auõdaua E que eu nõ prouaua E assy o Julgarõ per sentença E por que o meu procurador Al nõ quis dizer para ẽbargar a deffinitiua presente o dicto meu procurador da hũa parte E Gonçalo perez procurador ẽ mha Corte procurador do dicto Priol da outra os dictos meus ouuydores visto o dicto fecto Assoluerõ per sentença deffenitiua o dicto Priol e a dicta Eigreia da sobre dicta demãda que lhy o dicto meu procurador por mĵ fazia. E mãdarõ que husasse das sobre dictas Jurisdições do Ceuil na dicta Aldeya de Mẽe guyso pela guisa que posto auya nas sobre dictas sas razões e as prouara E que nõ husase hy doutra jurisdiçõ nẽ hũa En testemunho desto dey ende Ao dicto priol e aa dicta sa Eigreia esta mha carta Dãte ẽ Sanctarem vỹte e viij dias de Mayo. El Rey o mãdou per Johanne anes mellõ e per Domingos paaez ouuydores dos seus fectos e da portarya Steuam martiz A ffez Era Mª CCCª Lxxiiij Anos (Ano de 1336). Johanne anes. Domĵgo paaez.

Fonte - ANTT – Chancelaria de D. Afonso IV. Livº 4, fol. 89.

1 - Segundo a Wikipédia Dominguizo ou Dominguiso é uma freguesia portuguesa do concelho da Covilhã, com 4,95 km² de área e 1 119 habitantes. A sua densidade populacional é de 226,1 hab/km². É conhecida como a terra dos farrapeiros. 
2 - Como curiosidade referimos que "Menguiso" é um apelido ainda hoje usado em Espanha e na América Latina. Verificámos também que a palavra "mengo" no "Grande Dicionário da Língua Portuguesa" significa "a lã que fica apta para se elaborar nas fábricas de lanifícios".

As Publicações do Blogue:

Estatística baseada na lista dos sentenciados na Inquisição publicada neste blogue:
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2011/11/covilha-lista-dos-sentenciados-na.html 

Notícias Soltas:
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2017/04/covilha-noticias-soltas-xii.html
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2017/02/covilha-noticias-soltas-xi.html
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2016/12/covilha-noticias-soltas-x.html
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2016/11/covilha-noticias-soltas-ix.html
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2016/11/covilha-noticias-soltas-viii.html
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2016/10/covilha-noticias-soltas-vii.htm
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2016/09/covilha-noticias-soltas-vi.html
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2016/07/noticias-soltas-v_68.html
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2016/06/covilha-noticias-soltas-iv.html
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2016/04/covilha-noticias-soltas-iii.html
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2016/03/covilha-noticias-soltas-ii.html

http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2015/12/covilha-noticias-soltas.html     

Sem comentários:

Enviar um comentário